top of page

Brasil gera 159 mil empregos formais em outubro

Em Minas Gerais foram criados mais 8.463 empregos com carteira assinada



O Brasil segue gerando novos postos de trabalhos formais. De acordo com os dados do Ministério do Trabalho e Previdência, divulgados nesta terça-feira, 29, sobre as Estatísticas Mensais do Emprego Formal, o Novo Caged, em outubro, foram 159.454 contratados. Esse é o resultado de 1.789.462 admissões e de 1.630.008 desligamentos de empregos com carteira assinada. No acumulado deste ano, o saldo é de 2.320.252 novos trabalhadores no mercado formal.


O estoque de empregos formais no país, que é a quantidade total de vínculos celetistas ativos, chegou a 42.998.607 em outubro, o que representa um aumento de 0,37% em relação ao mês anterior.


Para o ministro do Trabalho e Previdência, José Carlos Oliveira, o resultado “dá a possibilidade de sonhar” com o fechamento do ano com mais de 2,5 milhões de empregos gerados. “É uma felicidade, mais uma vez verificamos que a nossa economia está no rumo certo. Nós, o Ministério do Trabalho e Previdência, agradecemos a todos os empresários e empreendedores que acreditam e que investem no mercado brasileiro.


Minas Gerais


Pelo nono mês consecutivo, Minas Gerais mantém saldo positivo na geração de empregos com carteira assinada. Segundo o Caged, em outubro, foram criados 8.463 postos formais de trabalho.


No acumulado de janeiro de 2019 até o mês passado, já são 626 mil novas oportunidades de emprego para os mineiros, resultante de 7.840.773 contratações nesse período e do desligamento de outros 7.214.773 trabalhadores do mercado formal de trabalho.

bottom of page