Comércio em Minas Gerais tem segunda alta consecutiva



O volume de vendas do comércio varejista em Minas Gerais avançou 1,2%, na passagem de fevereiro para março de 2022. Já no Brasil este avanço foi um pouco menor, de 1,0% em relação ao mês anterior. Os dados são do levantamento realizado pelo IBGE.


De modo geral, o volume de vendas no varejo, na passagem de fevereiro para março de 2022:

  • Registrou o segundo aumento consecutivo em Minas (fevereiro e março, acumulado 5,5%) contrastando com as duas quedas dos bimestres anteriores (dezembro de 2021 e janeiro - 3,1%).

  • Destaca-se ainda que nos últimos 12 meses foram 6 indicadores positivos e 6 indicadores negativos, mostrando um movimento do volume do comércio. Se considerarmos somente os últimos 6 meses observamos comportamento semelhante, com 3 altas e 3 quedas.

Em Minas Gerais, no comércio varejista, 6 das 10 atividades investigadas apresentaram avanço na comparação com o mesmo mês do ano anterior, com destaque para Tecido, vestuário e calçados (50,3%).


Por outro lado, a atividade que mais recuou foi a de Móveis e eletrodomésticos (-13,6%). Já no comércio varejista ampliado, o setor de Veículos, motocicletas, partes e peças apresentou avanço de 16,1% e o setor de Material de construção apresentou recuo de 1,0%. Confira:


BOA NOTÍCIA GERA NOTÍCIA BOA!

OFERECIMENTO

1/1