Minas e Sebrae fazem parceria para fortalecer turismo



O Governo de Minas acaba de firmar um acordo com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MG), que deve estimular ainda mais o turismo no Estado. A novidade é cooperação que visa fortalecer ações, com foco no território delimitado pelo programa Via Liberdade, a maior rota turística e cultural da América Latina.


Esse percurso abrange 1.179 quilômetros da BR-040, e interliga belezas, história, cultura e arte de Minas, Rio de Janeiro, Goiás e Distrito Federal. O governador Romeu Zema assinou o acordo que dá início à parceria entre o Sebrae e a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult) . Com isso, o órgão vai promover a capacitação de empreendedores localizados ao longo do Via Liberdade, além de auxiliar com ações de marketing e apoiar a estruturação de destinos turísticos. O acordo deve aquecer a economia também. Afinal, pretende gerar empregos, promover produtos turísticos e aumentar o fluxo de visitantes nas cidades. Ao todo, vão 71 empresas habilitadas no Programa Minas Recebe, vao ser beneficiadas pelo acordo, que abrange 207 roteiros no Portal Minas Gerais e 101 roteiros do Via Liberdade.


O governador celebrou o que considera um passo importante para ajudar a reerguer o setor de turismo, bastante afetado pela pandemia. "Fico satisfeito por estar aqui assistindo o reerguimento de um setor que foi um dos mais atingidos ao longo destes 27 meses de pandemia. Isso inclui o turismo, eventos, hotelaria, transporte, etc. E vale ressaltar que, hoje, os números estão melhores do que no período pré-pandemia. É uma satisfação grande ver que nosso estado, apesar de não ter praia, ter atrações de sobra, montanhas, lagos, cidades históricas, gastronomia, parques naturais e, o melhor, um povo acolhedor”, afirmou. 


Foto: Gil Leonardi/Imprensa MG