top of page

Novo presidente do Sebrae Minas promete manter alinhamento com a entidade nacional

Marcelo de Souza e Silva reitera o foco nos pequenos negócios que são os maiores empregadores do Brasil.



O atual presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas  de Belo Horizonte (CDL-BH), Marcelo de Souza e Silva, assume já em janeiro de 2023 o cargo de novo presidente do Sebrae Minas. Seu nome foi aprovado pelo Conselho  Deliberativo da entidade na semana passada e ficará no  cargo por quatro anos. Ele substitui Roberto Simões, que  ocupou a presidência da instituição em duas gestões: 2007- 2010 e 2019-2022.


Os atuais superintendente e diretor de operações do Sebrae Minas, respectivamente Afonso Maria Rocha e  Marden Marcio Magalhães, foram reeleitos para o próximo mandato. O atual subsecretário de desenvolvimento  regional da Secretaria de Estado de Desenvolvimento  Econômico de Minas Gerais, Douglas Cabido, foi eleito  para o cargo de diretor técnico. Também foram eleitos os  membros (titulares e suplentes) do Conselho Fiscal para o período de 2023 a 2027.


Marcelo de Souza e Silva participa do CDE do Sebrae  Minas há mais de 20 anos. Formado em Administração e  Contabilidade, foi diretor da Junta Comercial do Estado  de Minas Gerais (Jucemg) entre 2007 e 2009; secretário  de Desenvolvimento Econômico e secretário da Regional  Centro-Sul da Prefeitura de Belo Horizonte entre 2013 e  2015.


“Tenho a missão de dar continuidade a esse trabalho, e  conto com todos os colaboradores do Sebrae Minas, com  este conselho, mantendo sempre o alinhamento com o Sebrae Nacional”, afirma o novo dirigente. Segundo ele, toda essa articulação é muito importante para manter  o foco nos pequenos negócios, que são os maiores  empregadores do Brasil e precisam realmente do apoio do Sebrae para garantir a sustentabilidade de suas atividades. O Conselho Deliberativo do Sebrae Minas é composto por 15 instituições: Banco do Brasil, BDMG, CDL-BH, Caixa, Ciemg, Faemg, Fapemig, Fecomércio, Federaminas,  Fiemg, Indi, Ocemg, Sebrae Nacional, Secretaria de Estado  de Planejamento e Gestão (Seplag) e Secretaria de Estado  de Desenvolvimento Econômico (Sede). A presidência do  conselho é definida a cada quatro anos, com alternância  entre representantes dos setores do comércio e serviços, indústria e do agronegócio.


Com sede em BH, o Sebrae Minas está presente em  55 microrregiões e conta com uma rede de atendimento composta por mais de 500 pontos, sendo 58 agências  próprias e o restante pontos de entidades parceiras, abrangendo os 853 municípios mineiros. A instituição  oferece produtos e serviços para empreendedores em  diversos estágios de desenvolvimento, e ajuda a iniciar, diversificar ou ampliar a atuação dos pequenos negócios  do Estado.

bottom of page