Scooter PCX ganha motor mais potente e mudanças no visual

Disponível em três versões, linha 2023 do modelo da Honda também traz itens redesenhados e redimensionados, como o assento e o porta-luvas.



A linha 2023 do scooter PCX, da Honda, chega às concessionárias da marca com nova geração de motor mais potente, novas tecnologias e mudanças no visual. São três configurações que variam conforme o conteúdo de série e a cor. O CBS custa R$ 15.460,00 e é disponível no cinza metálico, já a versão ABS, de R$ 17 mil, só vem em branco perolizado. Enquanto o DLX ABS, com preço de R$ 17.400,00 é vendido na tonalidade azul metálico.


A diferenciação entre as versões acontece pelo sistema de frenagem: CBS - Combined Brake System no modelo de entrada, enquanto nas PCX ABS e DLX o sistema é o ABS - Antilock Brake System -, de um canal.


O novo PCX traz um estilo mais ousado, com iluminação por LED redesenhada e maior capacidade de armazenamento sob o banco, a porta USB-A no porta-luvas e um painel "widescreen" como todas as informações vitais necessárias. Há a opção da Smart Key que opera a ignição e a abertura do assento que também aciona um alarme antifurto.


Os grupos óticos dianteiro e traseiro foram totalmente redesenhados. Na dianteira, a luz de posição ou DRL (Daytime Running Light) é composta por cinco traços. Na traseira a iluminação desfruta de tecnologia que dá ao "X" iluminado um intenso efeito 3D.


As superfícies da carroceria foram redesenhadas e agora o escudo frontal tem maior volume em sua porção superior para abrigar o para-brisa escurecido de novo desenho. Quanto à ergonomia, o assento foi redesenhado para dar a piloto e garupa mais conforto sem alterar a pequena distância em relação ao solo. Outra melhoria foi com relação ao espaço para os pés do piloto, que cresceu 30 mm tanto longitudinalmente quanto nas laterais.


O porta-luvas, posicionado à esquerda do escudo frontal, também foi redesenhado e agora além de ser mais espaçoso conta com uma útil porta USB destinada à recarga de smartphones. Também é nova a portinhola que recobre o reservatório de combustível, agora dotada de espaço para apoiar a tampa do tanque durante o reabastecimento.


O guidão largo e cromado está agora montado sobre suportes de borracha, a fim de reduzir os impactos derivados das irregularidades do solo e vibrações do motor. Também a alça destinada ao apoio do garupa tem novo desenho, agora mais fina e confortável.


O motor do PCX é um monocilíndrico SOHC de quatro válvulas arrefecido a líquido, que se vale da tecnologia eSP+ (enhanced Smart Power Plus). A potência máxima passou de 13,2 cv para 16 cv, com torque máximo subindo de 1,38 kgmf para 1,5 kgmf.



Fotos: Divulgação CC / Honda


Posts recentes

Ver tudo

Per Lui