top of page

Sem Jacarepaguá há 10 anos, Rio de Janeiro dá a largada para ter um novo autódromo

Com início das obras neste segundo semestre, Motor Park fica na cidade de Itatiaia e prevê também um kartódromo, pistas para competições off-road e espaço multiuso para eventos

Diversas competições de carros e motos poderão ser disputadas no autódromo na cidade de Itatiaia, no Rio de Janeiro (Foto: Pixabay)


Palco de diversas competições importantes do automobilismo nacional e internacional, Rio de Janeiro perdeu posição de destaque nos esportes motorizados com o fim do Autódromo de Jacarepaguá na capital carioca em 2012.

Mas agora os fluminenses voltam a ter esperança de dias melhores nas pistas com o projeto Itatiaia Motor Park anunciado neste mês de agosto. Localizado na cidade de Itatiaia, a 180 quilômetros da capital do Estado e a 230 quilômetros de São Paulo, o complexo será construído pela iniciativa privada num terreno de 770.000 m².

Trata-se de uma iniciativa, com apoio dos donos do Itatiaia Resort & Eventos, de autoridades políticas, mas principalmente de pessoas ligadas ao automobilismo e que entendem do assunto.

Gente que entende


Entre eles o jornalista e empresário João Mendes, criador do conceito e sócio do empreendimento do Itatiaia Motor Park. Ex-piloto de várias modalidades do motociclismo e do automobilismo de competição, é também jornalista especializado no assunto há 45 anos e arquiteto urbanista.

Além dele, outro ex-piloto do automobilismo, Julio Caio Azevedo Marques, considerado o melhor do Brasil em duas oportunidades na década de 1970, será diretor esportivo. Foi ele quem organizou, por exemplo, várias provas de Fórmula 1 no Rio de Janeiro, São Paulo e no exterior, além das primeiras provas do Mundial de Motovelocidade em Goiânia (GO) e a Fórmula Indy no Rio de Janeiro.


Começa já


Numa primeira fase serão investidos R$ 25 milhões, mas o total deve chegar a aproximadamente R$ 80 milhões com geração de 520 empregos diretos na operação plena e mais 2.500 indiretos.

O prazo de conclusão da primeira etapa, que inclui obras de infraestrutura e montagem dos circuitos das corridas das diversas modalidades previstas, é de 18 meses a partir deste mês de agosto de 2022.

Há previsão de um espaço de eventos - dois deles já programados. Está planejado para o segundo semestre de 2022 um torneio de motocross e velocross, que marca a inauguração do complexo de pistas off road. Na sequência acontece um evento exclusivo para UTVs (Utility Task Vehicle) categoria fora de estrada que cresce de forma expressiva no Brasil.

O Itatiaia Motor Park pretende, durante todo ano, sediar eventos de lançamento de veículos, produtos, os track days - onde qualquer pessoa pode levar seu carro para andar na pista com segurança -, encontros de antigomobilismo, de motociclistas e de todas as tribos do setor. Todas as pistas serão disponibilizadas para cursos de pilotagem, direção defensiva e evasiva, aperfeiçoamento e treinamento especial para policiais, entre outras.

Itatiaia Motor Park vai poder sediar competições de diversas modalidades, como corridas de carro, provas off-road e de motociclismo (Fotos: Pixabay)


Fácil acesso


A entrada do complexo fica a apenas a 600 metros da Rodovia Presidente Dutra, a mais importante ligação entre Rio de Janeiro e São Paulo, e a dois quilômetros do Itatiaia Resort, um dos mais sofisticados empreendimentos hoteleiros da região.

Participam do projeto a MC Invest Asset com a assessoria financeira, escritório Barata Fernandes Rocha com assessoria jurídica e Karin Köhler Arquitetura e Design no desenvolvimento do projeto.

O projeto básico está sendo estruturado pela GEO Consultoria junto com a Zoe Engenharia, com investimento capitaneado pelo Grupo Hoteleiro Agulhas Negras.


Polo de turismo


Itatiaia é um importante polo de turismo do Estado do Rio de Janeiro com cerca de 6 mil vagas em hotéis, pousadas e similares. Destaque para o distrito de Penedo que já é palco de um dos maiores encontros anuais de motociclistas do Rio.

As principais entidades ligadas aos esportes a motor já garantiram apoio à iniciativa, tais como Federação de Motociclismo do Estado do Rio de Janeiro (Femerj), Federação de Automobilismo do Estado do Rio de Janeiro (Faerj), Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) e Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

A pista do autódromo será Nível 3 da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), portanto com capacidade para receber provas de todos os campeonatos brasileiros, sul-americanos e demais categorias internacionais. Também será construído na área um kartódromo, igualmente homologado pela FIA, garantem os empreendedores.


Participaram do anúncio do empreendimento: relações institucionais do Itatiaia Motor Park, Márcio Costa; presidente da Femerj, Evandro Feu; diretor esportivo do empreendimento, Julio Caio; criador do conceito e sócio do empreendimento do Itatiaia Motor Park, João Mendes; prefeito de Itatiaia, Irineu Nogueira; vice-prefeito e secretário de turismo, Denílson Sampaio; presidente Faerj, Djalma Neves; e secretária municipal de esportes, Sônia Barbosa (Foto: Itatiaia Motor Park/Divulgação)


Visão geral do provável traçado do complexo do Itatiaia Motor Park, segundo os empreendedores (Foto: Itatiaia Motor Park/Divulgação)

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page