Sucesso: Virada Cultural de BH reúne 300 mil pessoas


Foto: Instituto Periférico


A 7ª edição da Virada Cultural, realizada nesse final de semana, foi um sucesso. Ao todo, o evento contou com cerca de 300 mil pessoas durante as 24 horas de programação nos palcos, atividades itinerantes e roteiro gastronômico. A informação foi divulgada pela Prefeitura de Belo Horizonte.


Esse foi o primeiro grande festival de rua, realizado presencialmente pela PBH, desde o início da pandemia de Covid-19. O evento é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, realizado em parceria com o Instituto Periférico. 


A edição fez jus ao tema “É Virada e Misturada, a gente junto é mais feliz”, com a cidade abraçando a proposta do evento e a diversidade da programação. A Virada Cultural reuniu os mais variados públicos que acompanharam do rock e hip hop no Viaduto Santa Tereza, às grandes festas e shows na Praça da Estação, além dos encontros em família no Parque Municipal, com a presença de crianças e idosos. 


Para garantir mais segurança e conforto para o público, foi ativado no Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte (COP-BH), o “Posto de Comando – Virada Cultural 2022”, composto por representantes de instituições das esferas municipal, estadual e federal. 


A Guarda Municipal atuou com 230 agentes para garantir a segurança do evento, com 23 viaturas, 14 motocicletas e oito bicicletas. A BHTrans e equipes da Unidade Integrada de Trânsito (UIT) atuaram com 34 servidores, 16 viaturas e dois caminhões. A Subsecretaria de Fiscalização contou com uma equipe de 134 fiscais, 12 veículos e dois caminhõe e o SAMU atuou com uma equipe de 10 profissionais e uma ambulância de Suporte Básico. 


Com todo esse aparato durante as 24 horas de duração, a Virada Cultural 2022 apresentou baixo índice de ocorrências. Dados da Guarda Municipal mostram 11 registros nas áreas de shows, entre casos de agressão física, infração de trânsito e importunação sexual. 


Posts recentes

Ver tudo

Per Lui